. . .









Estilo não é uma coisa que alguém nos possa ensinar. É algo inato. Nascemos com ele.
Não é um casaco caro. Nem a última tendência.
Não se vende nas lojas. Estilo não é moda.
É uma extensão de nós mesmos. É quem somos. O nosso núcleo.
As nossas cores favoritas de sempre e aquelas que começámos a gostar.
É o nosso género. A nossa sensualidade. A nossa sexualidade.
O nosso primeiro amor. E o nosso maior de todos.
É o momento mais triste da nossa vida. E o mais alegre e explosivo de todos.
Tudo o que já nos aconteceu, desde que nascemos até este exato momento em que nos encontramos.
Todas as decisões que já tomámos. As certas e as menos certas, que nos marcaram.
A forma como vivemos o nosso dia a dia. E a forma como nos arranjamos para algum evento especial.
Estilo não é o corte de cabelo que toda a gente tem. Nem aquelas calças que aparecem em todas as revistas.
É quando confiamos em nós. Nós somos o nosso estilo.
O estilo não é racional, é emocional.
São todas aquelas músicas que ouvimos e que nos inspiram. Os nossos guilty pleasures.
É o nosso tom de voz. O nosso sentido de humor. As coisas que nos fazem sorrir.
O modo como combinamos aquela camisa nova, com os jeans que temos há anos e anos.
O estilo é uma coisa que evolui conosco ao longo da vida. Tal e qual como uma pintura que vai sendo pincelada a pouco e pouco com cores.
É uma forma de arte.
Nós somos arte!
Usemos a roupa que queremos usar. Nova, usada, vintage, dada.
Compremos coisas que nos inspirem. Não porque alguém tem, mas porque queremos mesmo ter.
Saber o que se quer, exige tempo. Exige autoconhecimento. E o estilo é assim.
Se forem um rapaz e quiserem usar uma saia, usem.
Se forem uma rapariga e quiserem usar o casaco do vosso pai, usem.
Não sigam tendências! 
Aproveitem o que surge de novo e comprem somente porque faz sentido no vosso estilo, não porque toda a gente usa.
O estilo são as nossas próprias escolhas.
Inspirem-se.
Deixem-se inspirar.
Sejam estilo.



Style is not something that someone can teach us. It is something innate. We are born with it.
It is not an expensive coat. Or the latest trend.
Is not sold in stores. Style is not fashion.
It is an extension of ourselves. It is who we are. Our core.
Our favorite colors ever and those we started to like.
It is our gender. Our sensuality. Our sexuality.
Our first love. And our greatest.
It is the saddest moment of our life. And the most joyful and explosive of all.
Everything that has happened to us since we are born until this very moment we met.
All the decisions we have already taken. The certain and less certain that marked us.
The way we live our day to day. And how to arrange in a special event.
Style is not the haircut that everyone has. Or those pants that appear in all the magazines.
It is when we trust in us. We are our style.
The style is not rational, it is emotional.
They are all those songs that we hear and that inspire us. Our guilty pleasures.
It is our voice. Our sense of humor. The things that make us smile.
The way we combine this new shirt, with jeans that have for years and years.
The style is something that evolves with us throughout life. Just like a painting that is being brushstroke little by little with colors.
It is an art form.
We are art.
Let us use the clothes that we wear. New, used, vintage, given.
Let we purchase things that inspire us. Not because someone has the same, but because we really want to have them.
Knowing what you want, requires time. It requires self-knowledge. And the style is like that.
If a guy and want to wear a skirt, wear it!
If a girl and want to use your father's coat, use it!
Do not follow trends!
Enjoy what comes up and buy only because it makes sense in your personal style.
The style is our own choices.
Breathe out.
Let yourself be inspired.
Be style.




P.



Tags:

Share:

0 comentários

Thank you!