Sunset in Positano, Italy




Como todos já sabemos, nada se repete. Ou, pelo menos, nada se repete da mesma forma.

O cheiro da terra molhada depois dos primeiros pingos de chuva é semelhante, mas não é igual àquela que cheirámos pela última vez.

Conseguimos, raramente, uma aproximação. Mas, não voltamos aonde já estivemos. Mesmo que estejamos no mesmo lugar. Faz sentido?

Tudo mudou entretanto, mesmo quando tudo nos parece igual.

Regressei a um sítio que amei e que me criou memórias inesquecíveis e irrepetíveis. 

O que é certo é que no intervalo de tempo que nos afastou, tudo mudou (eu incluído), restando-me a poesia da sorte de criar novas memórias num sítio novo já conhecido.

Era bom que a vida se repetisse só às vezes. Ainda que por meros instantes.


- Este é o primeiro vídeo que publico no YouTube. Foi feito para o Instagram (e também se encontra lá publicado), achei que era especial demais para não ser partilhado noutras plataformas.




Share:

0 comentários

Thank you!